Bastidores da Política

Ganhando com a perda

Sylvio Ballerini
Sylvio Ballerini

Quem observou uma das pré-candidaturas de Lorena tomando corpo em detrimento de uma eventual perda de seguidores de Sylvinho Ballerini, pensou em enfraquecimento do prefeiturável.

Mas na verdade, segundo os bem informados, a perda de um punhado de ‘pseudos intelectuais’ – que encostaram naquela viúva que virou candidato, acabou como ponto positivo ao professor.

Ah! Na opinião de muitos, ainda falta ao “Homem Sorriso” se livrar daquela turma de corruptos e manjados de governos passados, que por onde passam, nem capim nasce mais…

De malas prontas…

Rola pelas esquinas de Guará que um grupo político que pretende ganhar a eleição no Executivo e fazer o maior número de vereadores na futura Câmara está de ‘malas prontas’, quer dizer, com a lista de indicados ao diretório completa para assumir o partido – considerado a ‘cereja do bolo’ da próxima eleição. Pelos cálculos da primeira chamada, tem pretendentes para lotar mais três partidos satélites para fechar o cerco na eleitoral na Terra do Frei.

Nova configuração

O mercado político de Pinda acredita que somente os partidos de maior calibre serão representados em candidaturas majoritárias, PSDB, PL, MDB, PSD e, além dos que sempre vão para sacrifício, PT e PSOL, talvez o PSL consiga devido a ‘onda Bolsonaro’. Ah! Parece que o MDB local já começou seu processo de faxina interna para receber novos nomes. Perguntem ao Torino!!!

Torcida dividida

É voz corrente entre as lideranças partidárias de Ubatuba que pela análise das últimas pesquisas que ganharam ‘domínio’ na cidade, os eleitores não sabem em quem votar. Mesmo com o prefeito ‘botando pra quebrar’ em obras, inaugurações e ‘oba-oba’, o índice de indecisos ultrapassa os 50%. Resumo da ópera: nenhum dos pré-candidatos confessos tem conseguido a zona de conforto eleitoral…

Candidatos a candidato

Mesmo com o prefeito Fábio Marcondes terminando seus dois mandatos consecutivos, e praticamente sem anunciar ‘um candidato’ à sucessão para chamar de seu, o mercado de prefeituráveis continua frio em termos de nomes, com exceção de três ou quatro que pelo visto, ainda não conseguiram empolgar a população. Segundo os analistas políticos da região, Lorena repete o quadro de outras cidades, onde a expectativa de votos dos pré-candidatos juntos não ultrapassa os 50% de eleitores indecisos. Ou seja, o cenário segue em aberto a novas revelações…

Positivo X negativo…

…pode dar neutro Com a política de Cachoeira Paulista protagonizando a maior ‘lavação de roupas sujas’ de sua história (com revelações de falcatruas, corrupção, improbidade e comprometimento com o que há de pior), há quem aposte que as urnas de 2020 deverão revelar um vencedor neutro. Ou seja, alguém ‘neutro’, que tenha passado pelo processo eleitoral sem envolvimento com os atuais ‘figurões’ – que mancham a imagem da cidade.

O menos enrolado

Eleitores de Aparecida estão propensos a votar no candidato que estiver com menos pendências com a Justiça, revelou consulta popular realizada recentemente. De acordo com as lideranças políticas locais, a muito a população não sabe o que é ter um prefeito que tenha administrado a cidade sem a intervenção do Judiciário ou sob investigação do Ministério Público.

Projeto ‘Cegonha’

Uma medida social de ordem interna do prefeito Isael Domingues levou a especulação política a conjecturar, na ironia, um incentivo a natalidade entre os funcionalismo público de Pinda. A Câmara, esta semana, aprovou o projeto do prefeito que prorroga por mais 15 dias o direito à licença-paternidade. Mesmo com ‘as piadinhas’, a medida garantirá que os trabalhadores acompanhem os primeiros vinte dias de vida dos filhos, enquanto a melhoria não foi sequer divulgada pelo Sindicato dos Servidores Municipais, que na visão de muitos associados, limita-se apenas a promover críticas contra o sistema e ao recebimento das contribuições…

No voto e no tapetão

Corre na boca pequena de Cruzeiro que a ordem dos governistas é partir para reeleição com apelo aos votos e com a modalidade tapetão. Ou seja, o que não conseguir na base dos acordos e dos votos, vai no estilo da pressão contra os possíveis concorrentes em potencial. Perguntem ao ex-prefeito Rafic Zake!!!

Um bate, outro pede…

…desculpas – Parece que os postulantes ao Executivo de Potim não pretendem dar vida fácil à prefeita Erica Soler em sua campanha à reeleição. João Cascão promete empenho no corpo a corpo com os eleitores, Emerson Tanaka (o mais saliente) está propenso a desidratar a figura da prefeita – chamando a atenção ao comando paralelo que determina muitas ações da Prefeitura e, outros três nomes sem muita relevância até o momento, devem ir pra cima dela (Erica) na base do tudo ou nada. Pelo jeito, nada…

Kinder Ovo

Num giro rápido pelos bastidores eleitorais de Guaratinguetá, Argus Ranieri, do MDB, mantém como ‘plano B’ o nome do Capitão Gusmão como eventual vice. Parece que no ‘plano A’, ele já se tocou que a possível aliança com o PSDB – de onde poderia surgir o parceiro de majoritária – poderá não evoluir. Independente da incerteza dos tucanos, comenta-se que seu reforço partidário corre por conta de quem vem no pacote do PTB do deputado Campos Machado, nomes como do vereador Pedro Sannini, do professor Fernando Moreira e outros…

Tiro no pé!!!

Ficou claro e notório pelas praias e corredores da hotelaria de Ubatuba o descontentamento de boa parte dos comerciantes do setor turístico com a postura da Prefeitura em “queimar o filme” de uma pousada na Praia do Tenório com uma interdição – por três dias. Lacrado no último dia 15, o estabelecimento de luxo foi acusado pela Vigilância Sanitária de descarte irregular dos resíduos da cozinha e por supostamente fornecer água com aparência imprópria aos clientes. Para muitos empreendedores, também faltou bom senso do governo municipal ao divulgar no site da administração o nome e a foto do estabelecimento, com repercussão do caso na mídia. A categoria enxergou como desproporcional o ‘reboliço’ criado pela equipe do prefeito Décio Sato. E, mesmo autorizando a reabertura da pousada três dias depois da interdição, ficou a marca negativa de quem fala em desenvolvimento.

Não convidem para…

…a mesma picanha – os empresários e futuros demissionários das indústrias de utensílios plásticos e descartáveis de Pinda e região, e o vereador Rafael Goffi, que induziu seus colegas de Câmara a firmarem seu projeto que proíbe a utilização dos materiais nos estabelecimentos do município. Mesmo com a tentativa do prefeito Isael Domingues em vetar o projeto, e ninguém do ramo comercial atingido pela Lei sequer ser consultado, os parlamentares foram unânimes a favor da restrição…

“…quem dá mais?”

Mesmo a Câmara de Lorena virando as costas ao prefeito Fábio Marcondes, evitando votar o financiamento das obras de combate aos alagamentos em vários bairros da cidade, ele segue no propósito de solucionar estes problemas sem a participação do Legislativo. Esta semana a Prefeitura anunciou o chamamento público para venda de 15 áreas públicas, visando levantar recursos para execução destas obras. Na verdade, a continuação das obras, porque nos últimos anos, o prefeito investiu cerca de R$ 12 milhões em galerias de águas pluviais, praticamente com recursos próprios, resolvendo boa parte dos problemas.

Mensagem cifrada

Quando o ladrão principal indica ‘no hoje’ seu discípulo para vice para dar o golpe da cassação ‘no amanhã’, sem medo do que o povo possa pensar ou falar…

Café & Política

Isael Domingues durante o programa Atos no Rádio na última sexta-feira (25)
Isael Domingues durante o programa Atos no Rádio na última sexta-feira (25)

Após a confirmação e execução de um pacote de obras em todo município, somado a entrega de mais um posto de saúde – Jardim Eloyna – nesta quinta-feira, cientistas políticos de Pinda apontam o prefeito Isael Domingues (PL) em alta na corrida eleitoral de 2020.

Ainda com suporte de investimentos, os mais de R$ 4 milhões nas construções do cemitério e do terminal rodoviário de Moreira César, fortaleceu o elo de confiança entre Isael e os mais de 40 mil habitantes do distrito.

A repercussão positiva causou preocupação na concorrência, a exemplo de Rafael Goffi (PSDB) e Herivelto Vela (PT) que temem que o prefeito tire outros “coelhos da cartola” no ano que vem.

Em Alta

APAE Guaratinguetá – A diretoria da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, que não mede esforços e criatividade para continuar atendendo com excelência seus assistidos. Numa força-tarefa que inclui jantares, festas beneficentes, rifas, capturas de convênios e as mais variadas modalidades que possam render algum benefício, lá estão eles – diretores, professores e apoiadores engajados. Esta semana, a presidência da entidade comemorou uma nova ferramenta de inclusão para arrecadação de recursos, o convênio com a Caixa Econômica Federal, de onde é possível receber doações diretamente pela rede bancária através das várias modalidades, inclusive Casas Lotéricas. Seja Solidário e ajude a APAE.

Em Baixa

Cachoeira – A Câmara, quer dizer, os governistas, em tentar “tirar do jogo” o vereador Guilherme Marcondes (PSD). A decisão em interromper a licença médica de Carlinho da Saúde, para se livrar do suplente, repercutiu negativamente nesta última semana. Também a CEI encabeçada por Breno Anaya para investigar supostas irregularidades de Guilherme na presidência da Câmara em 2016. Na opinião de muitos, ficou nítido que o ato é uma represália ao trabalho de fiscalização que Guilherme tem desempenhado contra a gestão do prefeito Edson Mota (PL), afastado pela Justiça do cargo desde o último dia 9 devido a acusação de desvio de R$ 33 milhões dos cofres municipais em contrato irregular…

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?