Bastidores da Política

E por falar em Codivap

Délcio Sato durante reunião do Codivap
Délcio Sato durante reunião do Codivap

A participação do ministro de Ciência e Tecnologia Marcos Pontes no encontro do Consórcio desta semana, rendeu recursos e convênios à vários municípios, reforçou o norral do prefeito Délcio Sato (PSD) no comando do órgão que representa os municípios do Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Litoral Norte.

Parece que uma leve sensação de ‘dores de cotovelos’ foi sentida numa minoria que ‘torce’ e apostava na ‘falência’ do Codivap frente à criação da Região Metropolitana…

Manobra de risco

Ouve-se pelas rodas políticas mais renomadas de Guará que se Marcus Soliva insistir em migrar para o PSDB, a tucanada local promete ‘naufragar o barco’ só pra ele perder a eleição. Por outro lado, muitos sabem que a insistência em atrair o prefeito da Terra de Frei Galvão para o ‘ninho tucano’ vem do gabinete do João Agripino, o Doria…

Um por mês

Se depender da oposição, a defesa jurídica do prefeito Isael Domingues vai ter muito trabalho até a eleição do ano que vem. Segundo a ‘rádio peão’, o vereador Rafael Goffi pretende propor uma CEI por mês na Câmara de Pinda, como estratégia eleitoral.

Tudo pelo social

Rola pelas esquinas de Cachoeira que os vereadores governistas comemoraram o pedido de cassação do prefeito, muito mais que a própria oposição. Motivo: é que a cada ‘BO’ deste contra Edson Nota que aparece na Câmara, o relacionamento entre o gabinete e os vereadores da base são fortalecidos com agrado$ e mai$ agrado$…

Por conta do inesperado

É voz corrente em Guará que o presidente da Câmara de Guará, Marcelo Coutinho – o Celão, ficou estarrecido ao tomar conhecimento de uma sentença trabalhista (que remonta ao período de 2005 na Justiça) que poderá comprometer cerca de R$ 1 milhão do seu orçamento somente este ano. Numa fase em que a mudança de endereço da sede do Legislativo e a economia do duodécimo é palavra de ordem de Celão para fechar o ano, por esta ‘ninguém’ não esperava, exceto os funcionários que deixaram de receber alguns dividendos desde ‘algumas presidências atrás…’

Favas contadas

Circula pelos corredores da municipalidade de Lorena que a possibilidade de Marietta Bartelega continuar no posto de vice numa eventual aliança governista para sucessão de Fábio Marcondes não estaria descartada, dependendo do candidato. Falam ainda que Bartelega, que já havia desistido da hipótese de concorrer ao Executivo, talvez não resistirá um pedido do prefeito para continuar vice, e no relevante trabalho que vem desenvolvendo na geração de renda à população, através do Fundo Social.

Emprego & segurança

Após Lorena conquistar a estabilidade econômica na administração pública, bem como a restruturação da infraestrutura da Prefeitura, em atenção a moralização da cidade, os moradores pedem agora – segundo consulta popular – além da manutenção do que foi conquistado e recuperado, empregos e segurança. Isto está levando o prefeito Fábio Marcondes a pensar num sucessor que dê sequência a este trabalho.

Final da novela

Considerada por especialistas em segurança como uma forte aliada no combate à criminalidade, a “Atividade Delegada” será retomada em Pinda a partir de setembro. Após esforços do prefeito Isael Domingues junto ao Governo do Estado desde outubro de 2018, o município terá até 25 policiais militares a mais do que o efetivo atual da corporação zelando pela segurança da população. A retomada do programa reflete também aos moradores do distrito de Moreira César, onde vários opositores de Isael que apostavam no pior ainda não encontraram nenhum ponto sobre o tema para eventuais críticas. Pelo menos por enquanto…

Ponte aérea

Pelo jeito o vereador Fabrício da Aeronáutica pegou gosto em frequentar a Capital Federal. Disseram que esta semana ele agendou voo mais uma vez para Brasília – a segunda em menos de 30 dias – levando a especulação política a conjecturar o que tão especial o homem tem que resolver; se é assunto de interesse do município ou apenas articulação partidária, leia-se o comando do PMB. Ah! Tem gente consultando o Portal da Transparência para verificar o quanto a Câmara de Guará está gastando com passagens aéreas…

Perguntar não ofende

Por que será que o prefeito de Cachoeira se faz ausente em praticamente todos eventos que envolvem autoridades do alto escalão dos governos federal e estadual, principalmente quando a presença física pode render projetos e recursos interessantes aos municípios, a exemplo do último promovido pela Codivap? Falta de interesse ou…???

Tapete preto

Para o alívio de moradores e turistas de Ubatuba, o prefeito Délcio Sato (PSD) anunciou na última quinta-feira a realização de uma mega obra de pavimentação que contemplará 122 vias da cidade a partir de setembro. Com um investimento superior a R$ 20 milhões, o serviço consistirá no asfaltamento, recapeamento e bloqueamento dos trechos. Além de mais segurança aos motoristas e motociclistas, a mega obra busca garantir avanços no setor da mobilidade urbana. A iniciativa de Sato foi elogiada pelas famílias e comerciantes, que há mais de uma década cobravam do poder público uma solução para a deterioração das principais vias do município.

Vitrine 2020

Rogério Diniz
Rogério Diniz

Aos poucos Lorena vai conhecendo seus novos postulantes ao próximo Legislativo, num momento em que as pesquisas com viés de seriedade indicam a tendência dos eleitores em renovar a Casa de Leis.

Quem está analisando o campo partidário para dar sua parcela de colaboração é o cirurgião Rogério Diniz, que numa visão futura, pode pertencer ao grupo que busca mais a ideologia de cidade que o profissionalismo na política. Em outras palavras, aqueles que buscam o cargo para ganhar dinheiro, que hoje se vê na função.

Rogério deve seguir o exemplo de seu pai, o saudoso Antônio Diniz, que já foi vereador em um período que se exercia a função com comprometimento e por interesses pessoais.

Jogada de mestre-cuca

Com o objetivo de oferecer melhor estrutura aos comerciantes de Pinda que atuam na Praça da Bíblia, o prefeito Isael Domingues (PR) ordenou a realização de obras de modernização no local. Principal ponto gastronômico da cidade, a Praça da Bíblia até o fim de outubro receberá a implantação de novos pisos, sistema de iluminação, bancos, lixeiras, decoração e portão de acesso. O investimento da obra supera R$ 225 mil e vai contar com um sistema de caixa de utilidades, garantindo aos estabelecimentos comerciais o fornecimento de água, energia elétrica e rede de esgoto. A notícia foi comemorada pelos empresários que já projetam aumentar consideravelmente suas vendas, já que o local estará mais estruturado e atrativo para receber os clientes.

Outra realidade

Guilherme e Marcos Pontes
Guilherme e Marcos Pontes

E a “Lua de mel” entre a população de Silveiras e o prefeito Guilherme Carvalho (PSDB) parece não ter fim. Para a satisfação dos moradores, o chefe do Executivo se reuniu na última semana com o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, em Taubaté, para a assinatura do convênio do programa “Computadores para Inclusão”.

Através do convênio, o Governo Federal disponibilizará diversos computadores para que a Prefeitura promova cursos de formação profissionalizante aos jovens em face de formação social.

Para a classe política, indiscutivelmente sinal de apoio estadual e federal que mostra o município bem diferente do que o ‘Casal Mota’ deixou.

Caso de polícia

Por obra e graça do vereador Carlos de Moura – o Magrão (PR), a última sessão legislativa virou ‘Caso de polícia’. Alegando que foi ameaçado no plenário pelo presidente da Associação dos Moradores do Mombaça, Dito Bala, o parlamentar acionou uma força policial que disponibilizou diversas viaturas para o local. Ao som de várias testemunhas, Dito justificou que apenas queria mostrar um documento comprovando que não possui antecedentes criminais, contradizendo várias acusações de Magrão. Quem acompanhou o desfecho pelas redes sociais, logo viu que a cotação de Dito Bala está em alta em detrimento da postura de Magrão. Ah! Lembraram que na semana passada, o entrevero de Moura foi com o vereador Ronaldo Pipas. Se o que dizem no Mercadão for realidade, os eleitores podem dar ‘linha na pipa’ de ambos.

O que muitos querem saber

Se na queda de braços entre o prefeito Marcus Soliva e o presidente do Sindicato dos Servidores de Guará, valendo a aprovação do projeto de banco horas, quem vencerá na Câmara? Com a palavra os senhores vereadores…

Em Alta

O Codivap – pela iniciativa de promover um encontro dos prefeitos da RMVale com o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, nesta semana, em sua sede na cidade de Taubaté. Na oportunidade os prefeitos reunidos sob a coordenação do presidente Délcio Sato (prefeito de Ubatuba), foram informados sobre os avanços do governo no desenvolvimento e assinaram inúmeros convênios objetivando benefícios aos seus municípios. As representações do Senado, Congresso e Assembleia Legislativa – senador Major Olímpio, deputados Letícia Aguiar, Sergio Victor e do coronel Tadeu – deram o tom integração política do Vale com os poderes.

Em Baixa

Câmara de Cachoeira – cujos vereadores da base governistas, no afã de proteger e blindar sua ‘galinha de ovos de ouro’ de um pedido de cassação formulado por um morador devidamente qualificado em suas alegações, valorizam aspectos pessoais do denunciante para desviar o foco do ‘crime’ cometido pelo prefeito em questão. Além do vocabulário chulo – nato de quem mal frequentou o ensino fundamental, até os colegas do plenário que ousaram a admitir a necessidade de investigação por parte do Legislativo foram agredidos pelo simples fato de não concordarem com a ‘turma da mala’. Por 9 votos a 3, a denúncia foi rejeitada na sessão de Câmara desta semana.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?