Bastidores da Política

Remando sozinho
Isael Domingues
Isael Domingues

Quem observa o prefeito de Pinda, Isael Domingues, divulgando por conta própria suas obras e ações através das redes sociais, tem quase a certeza que tem ‘muita’ gente em sua administração ‘pagando de agente secreto’ só assistindo as coisas acontecerem.

Talvez seja por isso que muitos perguntam pelos balcões mais politizados da cidade, quando o vice, Ricardo Piorino, vai deixar de participar apenas das solenidades de aplausos para ‘arregaçar as mangas’?!? Ou não vai???

Perguntar não ofende
Quem mentiu à Comissão de Ética da Câmara de Guaratinguetá: o vereador Pedro Sannini ou a Polícia Civil no Boletim de Ocorrência – narrando o episódio de sua suposta embriaguez e tentativa de alterar a versão dos fatos numa das manhãs do Carnaval –  que chegou no Legislativo para ser apurado?
O que muitos querem saber
Quais as personalidades que compõem a diretoria da Guarda Mirim de Guaratinguetá e quanto recebem por esta árdua tarefa’, uma vez que há muito a instituição deixou de ser filantrópica? Na polêmica do final da gratuidade no transporte público aos menores aprendizes – ainda chamados de ‘guardinhas mirins’, sobraram críticas ao prefeito Marcus Soliva, aos vereadores e a empresária dos ônibus então… só não falaram dos diretores da ‘Guarda Mirim’ e quanto eles cobram de ‘pedágio’ no salário de seus afilhados…
Não convidem para…
…a mesma picanha – o presidente da Câmara de Lorena, Maurinho Fradique e o vereador Fabio Longuinho, principalmente se o assunto for a ‘quebra’ do pacto oposicionista da bancada dos Vieiras. E o que não deverá faltar serão os interessados em acender o fogo do churrasco!!!
Os votos da contradição
Os votos contrários dos vereadores Pedro ‘Vieira’, Longuinho ‘Vieira’ e Elcinho Vieira não foram suficientes para impedir a aprovação do projeto que permite o Executivo de Lorena a alienação de algumas áreas públicas para levantar recursos para remodelações da avenida Peixoto de Castro – principal via de acesso à cidade e outras obras de infraestrutura em diversos bairros. Ah! O balbuciante Samuel Melo ‘Vieira’ teria votado contra se não tivesse se ausentado para ir ao banheiro, como não votou para a Zona Azul, na semana passada. É muita disenteria para um vereador só…
O que poucos sabiam…
...é que a Unimed de Lorena – leia-se Marcos Ude, cooperativa médica que a banca dos Vieiras defende na Câmara, está depositando o valor devido do ISS numa conta ‘judicial’, em resistência ao valor do tributo destinado a todas empresas de saúde do gênero que atendem na cidade. Enquanto isso, os vereadores que empregaram irmãs e parentes no hospital tentam retribuir a ‘gentileza’ buscando reduzir alíquota através de projeto no Legislativo.
Entre a ‘cruz e a espada’
Rolou entre os bem informados de Cachoeira que numa tentativa de evitar ser afastado pela Justiça, o prefeito Edson Mota estuda um afastamento amigável com seu vice, Domingos Geraldo, supostamente por ‘indicação’ médica. Parece que na mesma mesa que decidiram um apoio de fachada à futura candidatura de Torrada e Breno Arraia, Mota teria combinado de 60 a 90 dias de afastamento, condicionado ao vice não interferir na coleta do lixo, no transporte escolar e na locação de caminhões de um ex-prefeito. Perguntem ao Max!!!
Antecipando
O vereador Rafael Goffi aproveitou o silêncio publicitário da administração Isael Domingues com relação à construção dos 236 apartamentos do CDHU, em Moreira César, para fazer seu comercial. Ele fez uma live exclusiva e invadiu as redes sociais de Pinda, informando que participou do planejamento do conjunto em 2012, quando era comissionado do órgão habitacional do governo paulista…
Segredo de ‘estado’
Os servidores municipais de Pinda ganharam mais um bom motivo para comemorarem esta semana. A Câmara aprovou o projeto do prefeito Isael Domingues que concede direitos a faltas abonadas (relevadas) e licenças-prêmio, antiga reivindicação do funcionalismo público. O que surpreendeu os servidores foi o silêncio da Câmara quanto a falta de divulgação, que sequer publicou uma “notinha” em seu site oficial, pelo menos até a última sexta-feira. Disseram que se não fosse o pessoal que ‘zoa a plateia’ nos dias de sessão, o fato poderia passar despercebido, já que a Prefeitura também é ruim de informações. Em resumo, teve gente criticando a “política da mordaça”, aparentemente implantada na Casa de Leis pelo atual presidente Felipe César, que leva a fama de racionalizar informações a imprensa regional.
Superexposição
A figura do secretário de Obras José Cleber, sempre ligada ao prefeito Thales Gabriel em todos eventos especiais de Cruzeiro, deu margem ao mercado político de quem poderá ser seu sucessor ou quem sabe, o eventual vice, caso a função não seja mais interessante ‘ao ou com’ o Dr. Davi, na disputa pela reeleição. Quem viver verá!!!
Filme repetido
Corre na boca pequena de Cruzeiro que articuladores da provável candidatura à reeleição do prefeito Thales Gabriel, pensam em montar um grupão para repetir o efeito Câmara da eleição de 2016, onde todos acentos do Legislativo foram preenchidos pelo palanque governista. Detalhe: os que sobraram na oposição, também articulam uma ‘candidatura majoritária unificada’ para tentar barrar a reeleição de Thales, e da mesma forma garantir o maior número de vereadores na futura Câmara. Disseram que esta candidatura deverá ser generosa do ponto de vista econômico…
Cara ou coroa
Segundo os cientistas políticos de Potim, a eleição local pode seguir em duas condições: com ou sem João Cascão. Se de fato o ex-prefeito não for candidato, a equipe de Erica Soler para reeleição terá que se preocupar apenas com o talentoso e silencioso Emerson Tanaka. Porém, se na lista de concorrentes estiver João Cascão, aí a ‘parada é mais embaixo’ e mais cara, porque se o homem vier, será para arrebentar…
O perigo vem do vizinho
Comenta-se no eixo Aparecida Potim a deselegância do prefeito Ernaldo Marcondes em ‘engordar’ o mais novo concorrente da prefeita da cidade vizinha, Erica Soler tem sido notado em toda região. De acordo com a patuleia, o advogado Marco Aurélio tem feito da Prefeitura da Terra da Padroeira seu QG para monitorar e traçar planos para 2020 como  provável candidato a prefeito de Potim. Isto que é vizinho bom…
Contra o tempo
Agnaldo Almeida
Agnaldo Almeida

Em ritmo acelerado Agnaldo Almeida Mendes – o Xeroso do Supermercado assume como prefeito em exercício de Piquete e, segundo comentários, ‘de bem’ com a Câmara (falam em 100% de apoio).

Pelo que rola nas rodas políticas da cidade, devido a imprevisibilidade de tempo de seu mandato, Xeroso está buscando combinar sua reeleição com os eleitores, aproveitando a posse do mandato.

Ah! Sobre o limpa que pretende dar nos comissionados, disseram que será a única alternativa para fazer a máquina pública andar.

Perguntem a Fátima da Teca!!!

Se Maomé não vai…
Ao lado de assessores, Sato atende moradora
Ao lado de assessores, Sato atende moradora

…à montanha… Ao contrário da maioria dos agentes políticos no exercício do mandato que se escondem ou dão grandes doses de “chá de cadeira” na população, o prefeito de Ubatuba Délcio Sato (PSD) colocou em prática seu programa ‘Gabinete Itinerante’.

Acompanhado por oito secretários, o chefe do Executivo ouviu de perto as sugestões e reivindicações das famílias do bairro Estufa II.

A iniciativa de Sato em ir ao encontro dos moradores ocorrerá mensalmente, e se estenderá a todas as regiões da cidade litorânea.

A ação que busca facilitar o contato entre o poder público e a população está rendendo progresso nas ações e muita ‘dor de cotovelos’ na oposição…

Quem compara vota… E por falar em caminhar de perto com os moradores de Ubatuba, a visita ao Estufa II também serviu para o prefeito Sato acompanhar de perto a realização de diversas obras de melhoria, como drenagem e recuperação da pavimentação, que contam com um investimento municipal de mais de R$ 2,4 milhões.

Mensagem cifrada
Quem diria, bastou tirar a caneta da mão daquele emergente que dissimulou durante o biênio passado inteiro para a ‘matilha’ se disper$ar. Foram dois anos surfando com o dinheiro público – alimentando a quadrilha de seu consanguíneo que atua de forma regional. Agora, a trairagem começou, tem ‘lobo comendo lobo’. Até aquele ‘lusco-fusco’ passou morder a mão de quem distribuía sua ração, uivando em tom alto na gratuidade do Facebook…
Em Baixa
Guaratinguetá – O vereador Pedro Sannini, que pode levar a Comissão de Ética da Câmara Municipal a tomar medidas mais severas em relação ao seu envolvimento em delido de batida de automóvel, embriaguez no volante e tentativa de mudar a versão dos fatos a caminho da Delegacia de Polícia. Na manhã de um dos dias de Carnaval, Pedro se envolveu em acidente (sem vítimas) quando procurava um endereço suspeito no bairro da Cabelinha, em Lorena. Segundo um dos membros da Comissão de Ética, a narrativa do vereador está em desconformidade com os fatos narrados nos dois boletins de ocorrência encaminhados à Casa de Leis para as possíveis sanções do regimento interno do Legislativo. Se comprovada a falta com a verdade, o parlamentar corre o risco de responder a um processo de cassação.
 
Em Alta
Ubatuba – Após a Prefeitura investir em obras de adequações, a Santa Casa conquistou a liberação de funcionamento de seu centro cirúrgico na tarde da última terça-feira. A notícia foi comemorada pelas ruas da cidade, que durante a temporada tem seu sistema de saúde sobrecarregado devido à visitação de turistas. Contando com o esforço do prefeito Délcio Sato (PSD) e sua equipe, o centro cirúrgico, que estava interditado desde novembro de 2017, foi totalmente reformado e adequado às exigências da Vigilância Sanitária. Buscando solucionar o caos estrutural e financeiro que a Santa Casa enfrentava, Sato interviu na administração do hospital em maio de 2018, e procedeu diversas outras melhorias como criação da ala pediátrica, implantação de 33 leitos e aquisição de um novo aparelho de tomografia.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?