Bastidores da Política

Política da Boa Vizinhança

xxxxxxxxxxx

Com um cardápio especial da chef Bá, a sexta-feira reuniu velhos amigos da política de Guará na redação do Atos.Como o assunto eleição está presente em todas rodas, o encontro ‘quase que casual’ dos vereadores João Pita e Marcelo da Santa Casa com o ex-prefeito Junior Filippo e os assessores Daniel Vieira e Helio Alves foi propício para avaliar a performance de alguns candidatos de outros centros que buscam votos na região, em detrimento das candidaturas locais.
Eu sei o que vocês fizeram
Felipe Cesar confabulando com Goffi
Felipe Cesar confabulando com Goffi

…no verão passado… A última sessão de Câmara de Pinda foi marcada pela aprovação unânime da revogação do projeto do Executivo que alterou o modo de cálculo da cobrança da CIP (Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública) em 2018.

Após a sessão, alguns vereadores ‘midiáticos’ utilizaram as redes sociais para divulgarem o feito. Porém, em momento algum eles lembraram os internautas que em dezembro do ano passado a Câmara havia aprovado a alteração da CIP.

E isto, com o votos deles! O ‘esquecimento oportuno’ acabou pegando mal para os parlamentares nas rodas politizadas do município. Teve morador que indicou os vereadores comerem mais peixe, para tentarem combater a falta de memória.

Gol de letra….
Os estudantes e professores de Pinda receberam uma boa notícia na noite da última segunda-feira. A Câmara aprovou o projeto do prefeito Isael Domingues que os concede desconto de 50% na compra da cartela de passes do transporte público municipal. A melhoria, que atingirá desde os educadores e alunos da educação básica até os de ensino superior, foi comemorada pelos corredores do magistério e redes sociais. Não é a primeira vez que a gestão de Isael é elogiada pela sua atuação na área da educação, já que no início do ano a Prefeitura investiu R$ 10 milhões na reforma e implantação de lousas digitais em 19 escolas municipais.

Precatórios
Parece que a fatura que o prefeito de Guará está sendo forçado a pagar em sentenças trabalhistas – em detrimento aos desmandos de seus antecessores – tem levado Marcus Soliva a calcular o risco de ver os recursos planejados para os investimentos serem consumidos pelos precatórios. Pior ainda, segundo os analistas políticos do pedaço, são os protagonistas destas dívidas do passado, fazendo coro com a oposição de hoje para aplaudirem os maus momentos que a administração pública deverá enfrentar nos próximos meses, com o Sindicato ‘tocando terror’…

Lei de Murphy
É por falar em desmando em Guará, o prefeito Marcus Soliva deverá abrir uma sindicância para apurar as responsabilidades passadas no gerenciamento da saúde  municipal, que apurou em dias de hoje, que dos 600 servidores da secretaria, 541 acumulam férias vencidas. Pela leitura inicial da equipe do gabinete, a procrastinação dos benefícios remontam ao período de um dos prefeitos do passado, em que o Sindicato não mantinha a pressão de hoje em cima da administração. Durmam com este barulho…

Buscando na fonte
Pelo visto o prefeito de Aparecida, Ernaldo Marcondes, cansou de esperar os recursos para saúde prometidos pelo Governo Federal, e resolveu buscar estes benefícios na fonte. Na última quarta-feira, ele montou uma comitiva (com o sobrinho Marcelo Marcondes – presidente da Câmara, com a secretária de saúde Maria Eliane e com o Frei Felipe – da Santa Casa) com destino à Brasília, para um encontro com o ministro da Saúde, Gilberto Occhi. Na pasta, levaram reivindicações para o Proto Socorro e Santa Casa, pediram recursos para aquisição de equipamentos e aporte financeiro para UTI. Ah! Solicitaram também uma UTI móvel e estrutura para implantação de nova UPA. Agora é exercitar a matéria prima que a cidade mais produz: a fé e muita paciência…

Dissimulação tripla
A Câmara de Lorena mais uma vez trabalhou contra os menos favorecidos subjugando a capacidade de interpretação da população. Na última segunda-feira, orquestrados por Elcio Vieira, dez vereadores tiraram dos contribuintes em débito com a Prefeitura a oportunidade de resolverem suas pendências em cartório, ao invés de enfrentar uma ação judicial que demanda tempo, honorários advocatícios, além de taxas e juros. Eles rejeitaram o projeto do Executivo que pedia pura e simplesmente autorização do Legislativo para que o município celebrasse convênio com os cartórios de protestos.

Tanga frouxa
Ainda sobre a sessão de Câmara de Lorena, muitos não entenderam a postura do presidente (mesmo sabendo que ele não tem autonomia para decisões políticas diante de Elcio Vieira Jr.), em votar contra o convênio da Prefeitura com os cartórios, porque segundo os bem informados, ele, o enTão, participou da reunião do prefeito com a juíza que preside as execuções, quando a mesma cobrou uma medida para desafogar o Judiciário. Parece que na oportunidade, ambos se comprometeram em viabilizar o plano ‘B’ e o ‘enTão’ presidente se prontificou em disponibilizar até um funcionário do Legislativo para ajudar na burocracia. Vai ver, ‘enTão’, que não pediu a bênção do Elcinho para firmar o compromisso…

Não convidem para…
…a mesma picanha – a vereadora Tia Cleusa e o secretário de Agricultura de Guará, Julio Ramos, principalmente se o churrasqueiro for o Antônio José e o encontro for para passar a limpo a interpretação da expressão: “língua felina”…

Perguntar não ofende
Qual o vereador de Lorena, que na sessão do dia 10 de setembro, apenas assinou o livro de presença e se ausentou durante a sessão para participar de uma reunião com um candidato a deputado ‘de sua laia’, no Bairro da Cruz? Será que pela filmagem da sessão, o denunciante do fato ao Ministério Público vai conseguir provar?

Mobilidade urbana
Taxistas e mototaxistas de Guará estão elegendo o vereador João Pita – presidente da Comissão de Mobilidade Urbana na Câmara – como o padrinho da categoria, principalmente pela aprovação de mais uma cor para os carros como também a extensão do prazo de vida útil dos veículos para seis anos. E ainda vem pela frente à legalização do aplicativo UBER e a liberação de novas concessões para táxis na terra de Frei Galvão!!!

Alinhando por cima
O vereador Fabio Matos foi um dos convidados especiais para o palanque do candidato a governador Paulo Skaf, durante um encontro de cúpula na capital paulista. Fábio, como esportista de renome no tênis de mesa, destacou na oportunidade o sucesso dos convênios esportivos com Sesi, a exemplo de Lorena. Sobre um eventual convite para que Fabio Matos dirija um dos projetos estaduais de Skaf, caso ele seja eleito, o vereador preferiu a discrição!!!

A lei do retorno
Quem diria que o vereador Elcio Veira Jr., que de praxe utiliza a ‘imunidade’ da tribuna da Câmara de Lorena para atacar pessoas sem o menor pudor e respeito à família e a privacidade alheia, iria experimentar do próprio veneno esta semana. Correu como rastilho de pólvora pela periferia da cidade a declaração do prefeito Fabio Marcondes, não como difamação, mas como informação, que o vereador “nunca pagou IPTU de sua residência e, quando secretário jurídico no período do Dr. Paulo Neme – prevaricou em não incluir seu próprio nome na dívida ativa do município, quando a Prefeitura ajuizou milhares de ações relativas ao período”. Ah! Disseram que seu nome já compõe a lista dos devedores na execução fiscal ajuizada esta semana…

Mensagem cifrada
Frequenta os dois gabinetes, mas não consegue convencer a quem traz e muito menos de quem leva…

Checklist

xxxxxxxxxx
Café e política
Quem passou pela redação do Atos esta semana para um momento ‘Café & Política’ foi a candidata a deputada estadual Michelli Veneziani.

Acompanhada de seu pai, Antonio Carlos – ex-prefeito de Caraguá e dos amigos  Fabio Longuinho, João Bosco Romeiro, Laerte Zanin e do chef Boueri, Michelli aproveitou o momento para um breve lembrete sobre  as eleições aos amigos, através de uma live no local.

Em Baixa
Lorena… A Câmara Municipal, que mais um vez demostrou sua parte frágil e vulnerável, em detrimento da rejeição do projeto de autoria do Executivo que buscava impedir que os inadimplentes de pequena monta enfrentassem uma ação judicial em função de seus débitos. Por instrumentalidade de três dos dezessete vereadores, a imagem do Legislativo mais uma vez ficou arranhada perante a opinião pública, principalmente pela resposta do prefeito Fábio Marcondes ao protagonista da rejeição. Em entrevista à imprensa, Marcondes revelou que o vereador em questão há muito não paga IPTU de sua própria casa e já integra o rol dos executados pela Prefeitura na Justiça!

Em Alta

Guaratinguetá … O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Guaratinguetá (ACEG), Ricardo Teberga, que celebra neste mês o sucesso dos 79 anos de fundação da instituição. Teberga tem bons motivos para comemorar, porque tem conseguido manter a tradição da entidade sem perder o feeling do desenvolvimento. Em homenagem ao seu maior patrimônio, o quadro de associados – como uma galeria de personalidades marcantes no setor comercial e industrial da cidade – sua equipe de trabalho prepara mais um Jantar Dançante para o próximo sábado, na Sociedade Hípica de Guaratinguetá, a partir das 20 horas, com todo glamour que a data merece.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>